Beber um copo pelas Forças Armadas: 15º PubhD UMinho

PubhD UMinho 15

Dois jovens cientistas vão falar do seu trabalho no bar Sé La Vie, no âmbito da iniciativa PubhD UMinho. Como se pode decidir qual o pavimento mais confortável para uma estrada? E o mais seguro? E o mais barato? Se tivesse que comprar algo muito caro, contrairia um empréstimo? E se as Forças Armadas precisassem de equipamento, acha que deviam pedir dinheiro emprestado?

André Moreira é aluno de doutoramento em Engenharia Civil no Centro para o Território, Ambiente e Construção (CTAC), da Escola de Engenharia da Universidade do Minho. Com o seu trabalho  pretende criar uma metodologia que ajude as administrações rodoviárias a decidir qual o tipo de pavimento a utilizar numa determinada estrada. Além do factor custo, são também considerados o conforto, a segurança e o impacto ambiental do pavimento, permitindo às administrações escolher a melhor alternativa consoante estes vários factores.

Yuri Trigo é aluno de mestrado na Escola de Economia e Gestão da Universidade do Minho e a sua investigação centra-se nas operações de crédito externo. Yuri pretende saber se,  perante a  necessidade de aquisição de um bem de elevado valor, o potencial comprador optaria por retirar da sua conta bancária o montante necessário ou, alternativamente, por contrair um empréstimo. O que será  mais vantajoso? O que é que quem empresta e quem pede emprestado pensa deste mesmo acordo? Tudo isto será usado para equacionar a compra responsável de material militar para equipar as Forças Armadas do Brasil.

O PubhD (pub=bar e PhD=doutoramento) é um movimento de divulgação da ciência que surgiu em Nottingham, Reino Unido (2014) e se realiza agora em 22 cidades europeias. O PubhD UMinho é organizado pelo STOL – Science Through Our Lives desde Janeiro de 2016 nas cidade de Braga e Guimarães. A entrada é livre.

27 de Abril, 21h00-22h30 – PubhD UMinho #15
Bar Sé La Vie, Braga

André Moreira – Engenharia Civil (CTAC, Escola de Engenharia, UMinho)
Como evitar um pedaço de mau caminho.

Yuri Trigo – Negócios Internacionais (Escola de Economia e Gestão, UMinho)
Quem gasta o que não tem é ladrão de si próprio.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s