Colaboradores

ISABEL LUÍSA CRUZ

eu-200x200

Lisboeta, saltitou na vida adulta por aqui e por ali, até que “aterrou” no Minho numa aldeia com oceano, rio e montanha.
Bióloga de formação, adora o mar e mergulhar em reinos de fantasia. Descobriu que gosta de fazer crónicas e colabora na promoção de uma Associação Musical local. Sempre a achar que há muito mais a descobrir.

IVO LIMA

Screen Shot 2016-02-29 at 17.22.42

Sou estudante finalista de Biologia Aplicada da Universidade do Minho, que é como quem diz, um “quase biólogo”. Considero-me uma pessoa extrovertida que gosta de aliar conhecimentos científicos a uma boa conversa. Sendo um dos alunos mais recente deste projecto STOL, o meu objectivo é mostrar que o cidadão comum tem o dever e o direito de conhecer o mundo através de uma “visão científica”. Sou a pessoa mais positiva que conheço e com isso aprendi a encarar tudo com um sorriso na cara e com humor para dar e vender (de preferência vender).

MÉLANIE PEREIRA

A Ciência sempre despertou em mim uma enorme curiosidade. Olhava em meu redor e pensava, com os meus botões, como poderia ser possível tal harmonia na Natureza e como é que tudo funcionava tão bem até no mais ínfimo pormenor.  O gosto pelo meio ambiente levou-me à Licenciatura em Biologia Aplicada da qual sou finalista. Acredito que as crianças são uma peça-chave na nossa sociedade e que é nosso dever levar-lhes um pouco do mundo da Ciência, que é tão fascinante, para as estimular e sensibilizar a cuidarem da “sua casa”, o planeta Terra.

Aluna finalista de Biologia Aplicada a fazer o projecto de fim de curso sob a orientação de Alexandra Nobre e Isabel Mina – Abril a Julho 2020

NEBGUM

O NEBGUM – Núcleo de Estudantes de Biologia e Geologia é uma associação sem fins lucrativos, dirigida por alunos da Licenciatura em Biologia e Geologia da Universidade do Minho. O NEBGUM tem como principal objetivo apoiar os estudantes da licenciatura e fomentar a entre-ajuda, bem como possibilitar uma maior interação entre professor e aluno. Adicionalmente, o NEBGUM pretende também promover a Ciência dentro e fora da comunidade académica.

TERESA GONÇALVES

Possuindo uma Licenciatura em Estudos Portugueses e Lusófonos na Universidade do Minho considerei ser imprescindível complementar esta formação. Neste sentido, em busca de algo diferente, ingressei no Mestrado em Educação- Educação de Adultos e Intervenção Comunitária. Descobri que posso desenvolver um aspeto a mim intrínseco: a ajuda intercomunitária, focada e dirigida aqueles que têm mais dificuldades sócio-económico-culturais, que são colocados de parte da sociedade, bem como a elementos que se encontram a beneficiar de oportunidades de reinserção social. Neste âmbito, aconselharam-me a integrar a equipa da STOL, tendo assim, a oportunidade de adquirir os conhecimentos necessários à implementação de atividades científicas com o público-alvo do meu estudo de Mestrado. 

Aluna do mestrado em Educação de Adultos e Intervenção Comunitária a realizar o estágio curricular sob a orientação de Clara Costa Oliveira com a colaboração de Alexandra Nobre – ano lectivo 2019 / 2020.

VERA OLIVEIRA 

Quando me perguntam sobre o que despertou a minha curiosidade em relação à ciência, a resposta é sempre a mesma: já está nos meus genes! Desde bem pequena que me lembro de acompanhar a minha mãe nas mais diversas experiências científicas que elaborava, sempre numa ânsia e correria de aprender mais e mais sobre o mundo que me rodeava. Atualmente finalista da Licenciatura de Biologia Aplicada e com um fraquinho pelas artes da banda desenhada, tomei como minha missão divulgar ciência, para que tanto miúdos como graúdos também se apaixonem por este mundo que me é tão importante.

Aluna finalista de Biologia Aplicada a fazer o projecto de fim de curso sob a orientação de Alexandra Nobre e Isabel Mina – Abril a Julho 2020